#boraviajar? Ative as notificações e receba alertas de passagens aéreas baratas. ATIVAR

Bagagem de mão: o que pode e o que não pode!

Renata Coelho Mastandrea
Postado em Lunes 18, Enero 2021 em Recomendações

Bagagem de mão é tudo o que você pode levar dentro do avião, sem precisar despachar com o restante da bagagem. Hoje em dia, é possível levar como bagagem de mão uma mala de até 10 kg mais um item pessoal, que pode ser uma mochila ou bolsa menor com documentos, dinheiro, objetos de valor. A bagagem que exceder a quantidade e/ou peso deverá ser despachada.

É importante dizer que esta regra vale tanto para para voos domésticos quanto para voos internacionais. Porém, as companhias aéreas low cost, podem ter regras diferentes em relação a tamanho e peso das malas. Confira neste post o que pode e o que não pode ser levado na bagagem de mão!

 Bagagem de mão é tudo o que você pode levar dentro do avião, sem precisar despachar com o restante da bagagem.
 Bagagem de mão é tudo o que você pode levar dentro do avião, sem precisar despachar com o restante da bagagem.

 

O que você NÃO pode levar como bagagem de mão?

Armas de fogo de todo tipo (inclusive, réplicas e armas de brinquedo) ou outros dispositivos que disparem projéteis, dispositivos de eletrochoque, líquidos, géis, aerossóis, spray de pimenta, e objetos pontiagudos ou cortantes, como: facas, estiletes; lâminas de barbear, excluindo aparelho de barbear em cartucho; lixas, tesouras; ferramentas de mão de obra ou pinças; tacos de beisebol e tacos de sinuca.

Animais, plantas e seus derivados

Para impedir a introdução de agentes nocivos/pragas e de agentes animais portadores de doenças, as autoridades federais restringem o ingresso de animais, plantas, sementes, produtos agrotóxicos e de determinados alimentos, sem a prévia autorização de importação e certificação sanitária.

Líquidos, géis e aerossóis

Para voos internacionais, em virtude das medidas adicionais de segurança, alguns países restringem o ingresso de passageiros portando líquidos, géis, cremes ou aerossóis a bordo da aeronave como bagagem de mão.

Assim, para transportar tais itens (exemplo: perfume, gel, creme corporal, desodorante em bastão, protetor labial e/ou creme dental), é preciso que cada frasco contenha no máximo até 100 ml, acomodados em uma embalagem plástica transparente, que possa ser fechada, ao mesmo tempo que, permita verificar seu conteúdo, e o total dos itens não ultrapasse capacidade máxima de 1 (um) litro Importante lembrar que cada passageiro pode levar no máximo uma embalagem.

O transporte de bebida alcóolica é autorizado, no entanto, deve-se atentar que para os voos nacionais e internacionais a partir do Brasil, o máximo permitido é de 1 (um) litro por garrafa, sendo que, em voo internacional apenas como bagagem despachada.

Você pode levar um máximo de 5 (cinco) litros de bebidas alcoólicas, incluindo sua bagagem de mão e despachada, desde que as bebidas não ultrapassem a graduação alcoólica de 70% e que as autoridades locais o permitam.

EXCEÇÃO:

  • O transporte de líquidos com mais de 100 (ml) será permitido apenas nos seguintes casos:
  • Remédios: recomendamos que você leve as receitas médicas que certifiquem a necessidade de uso durante sua viagem, considerando as horas de voo e conexões.
  • Alimentos infantis: sempre que você viajar com bebês ou crianças.
  • Alimentos dietéticos: para seu uso durante o voo e em quantidade condizente com o tempo de duração da viagem. Nesse caso, é possível que você precise demonstrar sua autenticidade.
     

 

Posso levar compras do Duty Free?

Em viagens internacionais com escalas só é possível comprar no último aeroporto ou a bordo do último voo, antes de chegar a seu destino.

As compras em Duty Free no Brasil somente poderão exceder a quantidade de 5 (cinco) garrafas de 1 (um) litro cada, quando a compra for realizada no destino final. No entanto, quando houver conexão deve-se respeitar a limitação de 5 (cinco) garrafas de até 1 (um) litro cada, por passageiro.

Se você tem conexão na Europa ou nos Estados Unidos, pode comprar em qualquer trecho da viagem ou a bordo do avião. Mas é importante pedir e guardar o recibo, que deve acompanhar os produtos comprados em uma sacola transparente, selada e com número de série. O recibo é usado para comprovar que a compra foi feita em um período não superior às 48 horas antes do voo.

Na América do Norte o transporte de líquidos acima de 100 ml, mesmo quando adquiridos no Duty Free, só pode ser feito quando estiverem em envases transparentes, translúcidos ou coloridos. Envases metálicos ou opacos só poderão ser transportados no compartimento de carga (bagagem despachada).

Em alguns países, as compras no Duty Free de aeroportos são permitidas apenas se os produtos são entregues ao passageiro na porta do avião.

Caso o passageiro tenha conexão a partir de algum aeroporto no Reino Unido, o mesmo não deverá adquirir nenhum tipo de líquido e/ou perfume no DutyFree, visto que, estes serão confiscados no momento de seu trânsito em Londres quando da checagem de segurança.

Compras no Duty Free e conexão em aeroportos brasileiros

A partir de 01 de junho de 2020, por restrição de segurança, o passageiro proveniente de voo internacional utilizando o Brasil como ponto de conexão, a outro destino internacional, não poderá transportar como bagagem de mão, itens como líquidos, géis ou cremes em quantidade superior a 100ml, e que não estejam em conformidade (bolsa plástica transparente) ainda que, adquiridos em lojas Duty Free fora do Brasil.

Quando identificado pelo agente de segurança, no canal de inspeção, o transporte de tais itens acima do limite ou não acomodados em bolsa plástica, o acesso à sala de embarque será negado. Ou seja, o passageiro terá seu acesso à sala de embarque condicionado ao descarte do(s) item(ns) que estiverem fora do padrão definido pela autoridade ou seu despacho, quando possível.

Excetua-se a esta medida os artigos medicamentosos com a devida prescrição médica, alimentação de bebês e líquidos de dietas especiais na quantidade necessária a ser utilizada durante o período do voo, incluindo escalas e conexões.

 

 

O que você pode levar como bagagem de mão?

  • Cosméticos sólidos (batom, protetor labial, desodorante e etc);
  • Mamadeiras e alimentos infantis industrializados – apenas com a quantidade necessária e suficiente para a duração do voo;
  • Medicamentos essenciais, acompanhados de prescrição médica com nome do passageiro;
  • Medicamentos que não necessitam prescrição médica podem ser carregados na bagagem de mão desde que tenham até 100 ml;
  • Itens pessoais, como documentos, carteira e outros acessórios pequenos (óculos, joias, cintos, entre outros);
  • Aparelhos eletrônicos de uso pessoal – celular, notebooks, câmeras fotográficas, tablets e afins.

Bebidas para consumo imediato (sucos, refrigerantes e etc.) adquiridas na área de embarque após a passagem pela inspeção aeroportuária devem ser ingeridas antes do embarque na aeronave. No caso de perfumes e bebidas adquiridos no duty-free, um profissional da própria loja deverá levar as mercadorias até a aeronave quando serão entregues ao passageiro.
 

Regras de bagagem das companhias aéreas brasileiras

Confira regras em relação às bagagens de mão, considerando as especificações das principais companhias aéreas brasileiras. 

Fonte usada para o artigo:  LATAM

Encontre passagens aéreas baratas e hotéis, baixe o nosso app de viagem e siga-nos nas redes sociais (TwitterInstagram e Facebook) para descobrir rapidamente as melhores ofertas. 




BUSQUE O SEU VOO

Origem - Coloque sua cidade, país ou região
Destino - Coloque sua cidade, país ou região
Ainda não defini as datas