Coronavírus: atualização cancelamento dos voos.

Gabrielle Barbosa
Postado em Martes 17, Marzo 2020 em Recomendações

Já havíamos falado por aqui sobre as políticas de cancelamento e alteração de voos. Mas companhias aéreas atualizaram mais uma vez as políticas de cancelamento e alterações de passagens aéreas nacionais devido a pandemia do coronavírus. 

As novas políticas são válidas tanto para passagens pagas em dinheiro como para passagens aéreas resgatadas com milhas de viagens, de acordo com a validade das milhas e pontos. Para quem comprou a passagem aérea através de uma agência de viagem, o ideal é entrar em contato com a empresa em que a compra foi efetuada.

GOL

A nova política da GOL flexibiliza ainda mais remarcações e cancelamentos e a regra passa a valer para destinos nacionais e destinos internacionais. 

Está incluído na nova política todos os passageiros que tiverem reservado voo até 14 de maio de 2020. Para a nova política os passageiros poderão solicitar o cancelamento do voo sem custo adicional e manter um crédito com a companhia para voar em até um ano depois da emissão da passagem.

As passagens também poderão ser remarcadas para até 330 dias após a data da compra sem taxa de remarcação, mas com eventuais cobranças de diferença de tarifa.

O reembolso poderá ser realizado sem taxa de cancelamento, porém haverá cobrança de taxa de cancelamento conforme tarifa comprada.

A recomendação é que as modificações sejam feitas através do site da companhia aérea ou aplicativo para celular da GOL e assim evitar o congestionamento da Central de Atendimento da empresa.

Azul 

As modificações da Azul são para passagens nacionais previstos até 30 de setembro de 2020. As alterações poderão ser realizadas sem pagamento de taxa de alteração, mas com possível taxa de diferença tarifária. As reservas poderão ser canceladas sem custo de cancelamento e ficam como crédito para uma compra futura com validade de um ano a partir da emissão do bilhete.

As regras foram divulgadas no site da Azul.

LATAM

As regras são válidas para passagens compradas antes de 13 de março de 2020 e poderá ser reprogramada data e/ou origem e destino sem multa, mas com possível diferença tarifária desde que o novo voo seja até 31 de dezembro de 2020 e antes da data do voo original. Também é possível solicitar o reembolso.

Já as compras realizadas entre 13 e 31 de março de 2020 com datas até 31 de dezembro de 2020 deverão ser reprogramadas até 31 de dezembro e sujeitas à diferença tarifária. As regras de reembolso também estão sujeitas à tarifa adquirida.

Confira mais informações específicas de restrições de viagens da Latam aqui .

Aerolineas Argentinas 

Os voos poderão ser remarcados sem taxa e sem diferença tarifária até 30 de dezembro se os voos adquiridos forem cancelados. 

Em caso de voos com data para serem realizados de 10 a 15 de abril, eles poderão ser remarcados sem multa ou diferença tarifária. Para voo entre 15 de abril a 30 de novembro, os passageiros poderão remarcar o bilhete pagando apenas diferença tarifária. 

Para entrar em contato a Aerolineas Argentinas disponibiliza a Central de Atendimento 0800 761 0254, o número de Whatsapp +54 9 11 4940 4798 ou através do site da companhia. 

Aeromexico 

Passageiros com viagem marcada até 30 de abril poderão remarcar a data ou trocar o itinerário sem multa, pagando apenas a diferença tarifária se houver. Para mais informações sobre as políticas de cancelamento e remarcação da Aeromexico acesse o site.

Air Canada 

A Air Canadá está possibilitando a remarcação, alteração de destino ou cancelamento para voos com data até 30 de abril. Em caso de cancelamento, o valor ficará como crédito para compras futuras e não haverá multa ou taxa para nenhum dos casos. A nova viagem deverá ser realizada até 31 de dezembro podendo haver cobrança de diferença tarifária. 

Central de Atendimento: (11) 3254 6630, (21) 2220 5343 , 0800 770 9250. Ou acesse o site da cia aérea. 

Air Europa 

Passageiros com voos até 30 de abril poderão remarcar suas passagens para até 15 de junho, podendo alterar também o destino com pagamento de possível diferença tarifária. Também é possível reembolso do valor em crédito para compra futura que poderá ser utilizado em até um ano após a emissão do voo original. O voucher de crédito pode ser solicitado no site da empresa.

Air France 

Reservas até 31 de maio poderão ser remarcadas sem taxas até 30 de setembro e as viagens deverão ser feitas até 30 de novembro. Em caso de solicitação de reembolso, o passageiro receberá um crédito que poderá ser utilizado em voos da Air France, KLM, Delta ou Virgin Atlantic. 

Mais informações no site da Air France

Alitalia 

Passageiros com viagens até 31 de maio poderão remarcar até 31 de dezembro sem multa. Para cancelamentos, será devolvido o valor das passagens em crédito válido por um ano. 

Clientes que tiveram seus voos cancelados poderão solicitar remarcação, crédito para nova viagem ou reembolso. Confira o site da companhia.

American Airlines 

A American Airlines suspendeu temporariamente suas operações no Brasil. Com isso, passageiros impactados poderão remarcar os voos ou solicitar reembolso. Mais informações você encontra diretamente no site da companhia. A central de atendimento atende no 3004 5000. 

Delta - Update 06/04/2020

A empresa está aumentando o tempo de remarcação das viagens para até 2 anos. Segundo a empresa, esse período mais long dá tempo do cliente “ter tempo extra para respirar” pós pandemia. As passagens normalmente expiram um ano após a compra. A Delta está oferecendo isenção nas taxas de alteração e maior flexibilidade para viajar até 31 de maio de 2022 para clientes que:

  • As próximas viagens já estão reservadas em abril ou maio de 2020, medida que vale a partir de 3 de abril de 2020.
  • Possuem créditos eletrônicos existentes ou cancelaram voos em março, abril ou maio de 2020.
  • Enquanto isso, novos bilhetes, comprados entre 1º de março e 31 de maio de 2020, podem ser remarcados sem pagamento de taxa de alteração por até um ano a partir da data da compra.

Passageiros com voos Delta nos meses de março, abril e maio poderão remarcar seu bilhete sem cobrança de taxa, mas sujeito a diferença tarifária. As novas datas deverão ser até 31 de dezembro ou também poderá ser feito a solicitação de crédito para viagens futuras. Saiba mais no site da Delta.

Para saber se você tem direito , visite esta página.

Emirates 

Passageiros com voos até 31 de março poderão remarcar sem multa e com possibilidade de cobrança tarifária. Também é possível solicitar um voucher com o valor da passagem original. Entre em contato através do e-mail [email protected], 0800 770 2130 ou através do site da empresa.

Flybondi 

A low cost argentina permite a remarcação e cancelamento sem multa para voos até 30 de março, cobrando apenas a diferença tarifária se houver. Para cancelamentos é necessário enviar um e-mail para [email protected] e as remarcações são feitas no site da empresa

Iberia 

Passagens Iberia com data para viajar até 31 de março poderão ser remarcadas com exceção de remarcação para datas comemorativas. Também é possível solicitar um voucher para compras futuras tendo validade até 31 de março Confira no site da empresa.

KLM

A companhia oferece remarcação sem custo para viagens até 31 de maio com a possibilidade de remarcação até 30 de novembro. Os clientes também poderão solicitar crédito para usar em voos da Air France, KLM, Delta ou Virgin Atlantic. Confira o site da companhia

JetSmart

Viagens com data até 31 de março poderão ser remarcadas com alteração de destino até 30 de junho. Caso o cliente deseje uma data depois de 30 de junho, poderá ser cobrada diferença tarifária. A remarcação pode ser feita no site da companhia.

Lufthansa

A companhia oferece a passageiros que compraram bilhetes até 31 de março com data para voar até dezembro de 2020 a possibilidade de remarcação até 31 de agosto para até o final de 2020. Confira no site da companhia

Norwegian

Bilhetes emitidos até 22 de março com data para voar até 30 de novembro poderão ser remarcados sem taxa. Mais informações no site da Norwegian ou na central de atendimento (21) 3500 0451.

Avianca Internacional 

A Avianca está oferecendo remarcação sem multa para passageiros com viagens até 30 de abril. A remarcação deverá ser feita pelo menos com 15 dias de antecedência da data do voo original podendo ser cobrada diferença tarifária. Também é possível solicitar crédito para usar no futuro. Confira o site da Avianca. 

Copa Airlines 

As operações da Copa Airlines estão suspensas até 21 de abril. Dessa forma, clientes com voos marcados deverão entrar em contato para verificar as possibilidades de reembolso, acomodação ou remarcação. Outras informações direto no site da companhia.

Voos cancelados e outras recomendações

As companhias aéreas recomendam que os passageiros com voos cancelados entrem em contato através do site ou aplicativo da companhia. Vale lembrar que devido a alta procura, o atendimento telefônico pode demorar e o sistema pode ficar congestionado. Por isso, é recomendado que apenas passageiros com voos nas próximas 72 horas façam o contato por telefone.

Leia também:

Eventos Cancelados pelo Coronavírus

Coronavírus: Cancelamentos ou remarcações

Coronavírus: países fecham a fronteira

Coronavírus: suspensões Azul

Coronavírus: Hospedagens!

Coronavírus: Latam reduz 70%




Todos os preços em um só lugar. Faça sua busca!

Origem - Coloque sua cidade, país ou região
Destino - Coloque sua cidade, país ou região
Ainda não defini as datas