Alertas de voos baratos #boraviajar? Ative as notificações e receba alertas de passagens aéreas baratas. ATIVAR

Máscaras permitidas em voos nacionais

Renata Coelho Mastandrea
Postado em Viernes 12, Marzo 2021 em Noticias

A diretoria da Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária) aprovou nesta quinta-feira, 11, regras mais rígidas para o uso de máscaras em aeronaves e áreas de embarque em aeroportos. O objetivo da escolha das máscaras permitidas em voos nacionais é aumentar a proteção contra a Covid nestes locais em meio ao agravamento da epidemia. Com isso certos tipos de máscaras de proteção facial não serão mais permitidas nos aeroportos e aeronaves no Brasil.  

 

Máscaras permitidas pela Anvisa em voos Nacionais.
Máscaras permitidas pela Anvisa em voos Nacionais. 

 

Quais são as máscaras permitidas em voos nacionais? 

Para proteger a saúde do viajante, a máscara deve estar bem ajustada ao rosto, cobrindo o nariz e boca, sem aberturas que permitam a entrada ou saída de ar e gotículas respiratórias. Com as alterações aprovadas nesta quinta-feira, os modelos que não garantam essa proteção não serão mais aceitos nos aeroportos e nas aeronaves. “O uso da máscara é um ato de cidadania. Uma medida em defesa da própria vida e do próximo”, disse o diretor Alex Machado Campos, responsável pela Quinta Diretoria da Anvisa e relator da mudança na RDC.  

O Diretor Alex Campos lembra, ainda, que “para mitigar a propagação do SARS-CoV-2 e, consequentemente, o surgimento de novas variantes, é preciso reforçar o distanciamento social, a higienização das mãos e o uso de máscaras faciais. Dentre essas ferramentas para a proteção da saúde, é importante destacar o uso eficaz das máscaras, especialmente pela população que transita por ambientes confinados e coletivos”.

Com as alterações aprovadas nesta quinta-feira, os modelos que não garantam essa proteção não serão mais aceitos nos aeroportos e nas aeronaves. 

  • Máscaras proibidas em voos nacionais são: Bandanas, lenços e protetores faciais do tipo “face shield” usados sem máscaras por baixo não serão permitidos, assim como máscaras de acrílico ou de plástico transparente e as que possuem válvula de expiração, mesmo que sejam profissionais.
     
  • Máscaras permitidas em voos nacionais: N95 ou PFF2 sem válvula, assim como as máscaras de tecido, desde que sejam de algodão ou tricoline, possuam camada dupla de proteção e ajuste adequado ao rosto.
     

                            Encontre passagens aéreas e hotéis baratos no Turismocity
 

 

                                            Máscaras permitidas para viajar na LATAM


Dentro das aeronaves e nos terminais aeroportuários só será permitido retirar a máscara para hidratação ou para alimentar crianças com idade inferior a doze anos, idosos e viajantes que sejam portadores de doenças que requeiram dieta especial. Quando estes mesmos passageiros precisarem se hidratar ou alimentar fora das aeronaves, devem observar o distanciamento mínimo de um metro em relação aos demais viajantes. 
A obrigatoriedade do uso de máscaras não vale para as praças de alimentação durante a refeição, evidentemente.

Pessoas com transtorno do espectro autista, com deficiência intelectual, com deficiências sensoriais ou com quaisquer outras deficiências que as impeçam de fazer o uso adequado da proteção e crianças com menos de três anos de idade não serão obrigadas a usar a proteção facial.

O aumento nas exigências das máscaras nas regiões aeroportuárias é mais uma das ações que vêm sendo construídas e atualizadas pela Anvisa com base em evidências científicas, de acordo com a evolução do contexto epidemiológico no Brasil e no mundo. “A Agência pretende contribuir para a implementação de uma nova cultura sanitária brasileira por meio da mudança comportamental da população para uma nova etiqueta no controle da pandemia”, concluiu o diretor Alex Campos. Fonte: Anvisa

Veja também: 

Quais são os requisitos para voltar do exterior ao Brasil

Tem viagem marcada? Saiba onde fazer o teste RT-PCR antes de viajar

Passo a passo de como preencher o formulário da Anvisa




Aéreos

Origem - Coloque sua cidade, país ou região
Destino - Coloque sua cidade, país ou região
Ainda não defini as datas
1 Passageiro, econômica