Alertas de voos baratos #boraviajar? Ative as notificações e receba alertas de passagens aéreas baratas. ATIVAR

Brasileiros podem entrar nos Estados Unidos?

Renata Coelho Mastandrea
Postado em Sábado 1, Mayo 2021 em Noticias

Quando será possível viajar para os Estados Unidos? Essa é a pergunta de todos os viajantes! A estratégia de combate ao coronavírus (Covid-19) nos EUA, implementada pelo presidente dos Estados Unidos, Joe Biden, mantém a restrição de entrada nos Estados Unidos para passageiros vindos do Brasil. 

Os Brasileiros nunca tiveram a entrada proibida nos Estados Unidos. O que diz a medida é que: qualquer viajante que saia do Brasil com destino aos Estados Unidos independente da nacionalidade, não pode voar diretamente ao país, sem fazer a quarentena em algum dos países quem possuem entrada sem restrição, ou se você fizer parte da lista de exceções do país, sua entrada em voo direto pode ser permitida mediante alguns requisitos. 

Brasileiros podem entrar nos Estados Unidos?
Nova Iorque.

 

Os Brasileiros podem entrar nos Estados Unidos?

Segundo o CDC - Centros de Controle e Prevenção de Doenças dos Estados Unidos, Brasileiros podem entrar nos Estados Unidos, desde que não tenham estado ou transitado nos últimos 14 dias pelos seguintes países:

África do Sul, Brasil, China, Irã, Países-membros do Espaço Schengen (Áustria, Bélgica, República Tcheca, Dinamarca, Estônia, Finlândia, França, Alemanha, Grécia, Hungria, Islândia, Itália, Letônia, Liechtenstein, Lituânia, Luxemburgo, Malta, Holanda, Noruega, Polônia, Portugal, Eslováquia, Eslovênia, Espanha, Suécia, Suíça, Mônaco, San Marino, Cidade do Vaticano), Reino Unido (Inglaterra, Escócia, País de Gales, Irlanda do Norte) e Irlanda.

Seattle.

 

Ainda não está liberada a entrada de brasileiros nos Estados Unidos por voos diretos saindo do Brasil, e como já explicamos, isso é válido para todos os viajantes de qualquer nacionalidade que tenham estado ou transitado nos últimos 14 dias no países citados acima.

Porém, existem algumas possibilidades para quem realmente precisa viajar para os Estados Unidos:

  • cidadãos americanos e residentes permanentes dos EUA;
  • cônjuges de cidadãos e de residentes permanentes dos EUA;
  • pais / responsáveis legais de um solteiro menor de 21 anos americano ou com residência permanente nos EUA;
  • solteiro e menor de 21 anos que seja irmão ou irmã de um cidadão americano ou com residência permanente dos EUA, também solteiro e menor de 21 anos;
  • criança / filho adotivo / dependente de um cidadão americano ou residente permanente dos EUA;
  • passageiros com os seguintes tipos de visto americano: A-1, A-2, C-1, C-1 / D, C-2, C-3, CR-1, CR-2, D, E-1 (como funcionário da TECRO ou TECO ou membros da família imediata do funcionário), G-1, G-2, G-3, G-4, IR-1, IR-4, IH-4, NATO-1 a NATO-4 ou NATO- 6;
  • membros das Forças Armadas dos EUA, cônjuges e filhos de membros das Forças Armadas dos EUA;
  • passageiros que comprovem viajar a convite do governo dos EUA para uma finalidade relacionada à contenção do Coronavírus (COVID-19);
  • passageiros com documentos emitidos pelo Departamento de Segurança Interna dos EUA, Alfândega e Proteção de Fronteiras dos EUA ou Departamento de Estado dos EUA, indicando que o passageiro está isento da restrição;
  • membros da tripulação B1 envolvidos em atividades de isqueiro, plataforma continental externa (OCS), atividade de parques eólicos, equipe aérea / marítima privada e outros tripulantes ativos semelhantes;
  • estudantes com visto F-1 ou M-1 e seus dependentes F-2 e M-2 – desde que não tenham chegado ou estado no Brasil, China e Irã nos últimos 14 dias.
  • Passaportes emitidos para cidadãos da Bielorrússia (Belarus) que tenham expirado entre 30 de abril de 2020 e 31 de julho de 2020 são considerados válidos com uma extensão de 3 meses;

Resumindo se você precisa viajar aos Estados Unidos, você deve estar entre as exceções determinadas acima, disposto a passar por um isolamento de duas semanas; ou ficar pelo menos 14 dias em algum país que não faz parte da lista de países com restrição de entrada nos EUA, apresentar um teste PCR negativo e por fim preencher um formulário antes da viagem. (veja aqui).

Chicago.

 

Quais são os requisitos de entrada nos Estados Unidos?

Ter o visto americano é a primeira coisa que você precisa ter antes de planejar uma viagem aos Estados Unidos. Vale lembrar que durante a pandemia o consulado não está concedendo os vistos. 

O seu voo precisa ter origem de algum país que tenha a entrada permitida nos Estados Unidos, uma vez que passageiros que estiveram nos últimos 14 dias em países não-autorizados, como o Brasil, não podem entrar, sem fazer a quarentena em algum país habilitado.

Os Estados Unidos pedem um teste PCR negativo, feito no máximo 72h antes de embarcar + o preenchimento do formulário antes da viagem.

#DICAEXTRA: Tudo está muito dinâmico e as informações mudam a todo instante. Fique por dentro das regras de entrada e de quarentena nos Estados Unidos exigidas por cada estado/território americano.

O que está aberto nos Estados Unidos?

Cada estado americano tem a sua regra. Na Flórida, está tudo aberto, funcionando normalmente e nem o uso de máscaras faciais é exigido em Miami, por exemplo, porém algumas cidades, como Orlando, tornaram obrigatório o uso desse tipo de proteção. Os parques da Disney e Universal estão abertos, mas com capacidade limitada, horários reduzidos e obrigatoriedade do uso de máscara. Inclusive o estado da Flórida e Nova York já começaram com a vacinação em estrangeiros. Saiba mais sobre o Turismo Vacina em Miami e o Turismo Vacina em Nova York.

Miami. 

Veja também:

Faça download do nosso app de viagem e venha parte da comunidade do Turismocity Brasil nas redes sociais para descobrir rapidamente as melhores ofertas.




BUSQUE O SEU VOO

Origem - Coloque sua cidade, país ou região
Destino - Coloque sua cidade, país ou região
Ainda não defini as datas